Cantor Genival Lacerda morre aos 89 anos por complicações da Covid-19, no Recife

Artista estava internado desde 30 de novembro no Hospital da Unimed. Com carisma e irreverência, cantor foi um dos ícones do forró. O cantor e compositor Genival Lacerda morreu aos 89 anos, no Recife, em decorrência de complicações da Covid-19, nesta quinta-feira (7). A informação foi confirmada pelo filho dele, João Lacerda. Artistas e políticos lamentaram, nas redes sociais, … Leia Mais





Paulinho, vocalista do Roupa Nova, morre no Rio aos 68 anos após contrair Covid-19


Paulinho estava internado no Copa D'Or — Foto: Jamile Alves/G1 AM

Paulinho estava internado no Copa D’Or — Foto: Jamile Alves/G1 AM

A informação da morte foi confirmada pela assessoria de imprensa da banda e pela unidade de saúde. O hospital disse ainda que não tem autorização da família para divulgar mais detalhes.

No mês passado, Paulinho foi internado com Covid-19. Em setembro, ele passou por um transplante de medula óssea para tratar de um linfoma. No procedimento, foram utilizadas as próprias células do paciente. Ele respondeu bem ao tratamento, mas depois precisou ser novamente internado para tratar a Covid.

Em uma postagem nas redes sociais nesta segunda-feira (14), a banda informou que o quadro de saúde dele era delicado.

Morre, aos 68 anos, o cantor Paulinho, do Roupa Nova

Morre, aos 68 anos, o cantor Paulinho, do Roupa Nova

Paulinho foi diagnosticado com Covid-19 enquanto se recuperava de um transplante de medula óssea, feito há dois meses para tratar um linfoma.

Há mais de 40 anos, ele estava à frente da formação do Roupa Nova, que estreou nos anos 1970 como Os Famks. Depois, o grupo ainda se chamaria Os Motokas antes de receber o nome definitivo, após assinar um contrato de gravação já nos anos 80.

Sua voz se tornou uma das principais marcas da banda. Paulinho assume os vocais principais em hits como “Canção de verão”, “Sensual”, “Volta pra mim”, “Asas do prazer” e “Meu universo é você”. G1


Justiça condena prefeito eleito de Porto Alegre, Sebastião Melo, a multa de R$ 106 mil por divulgação de pesquisa falsa


Sebastião Melo foi eleito prefeito de Porto Alegre — Foto: Reprodução/Facebook

Sebastião Melo foi eleito prefeito de Porto Alegre

A Justiça Eleitoral de Porto Alegre condenou o prefeito eleito de Porto Alegre, Sebastião Melo (MDB), e sua coligação “Estamos Juntos Porto Alegre” a pagamento de multa de R$ 106.410 pela divulgação em redes sociais de pesquisa eleitoral falsa, na véspera do segundo turno da Capital.

A decisão é de sexta-feira (11), assinada pela juíza Gládis de Fátima Canelles Piccini, da 158ª Zona Eleitoral de Porto Alegre. Em nota, a coligação informa que vai protocolar recurso e que “que não utilizaria este tipo de subterfúgio para vencer uma eleição”. Leia na íntegra abaixo.

A oponente de Melo, Manuela D’Ávila, pelo PC do B, entrou com representação contra a divulgação, no dia 28 de novembro, nas redes sociais do candidato, de uma pesquisa publicada pelo portal da Bandeirantes do RS, atribuída ao Datafolha, com resultados favoráveis a Melo.

A pesquisa, no entanto, não havia sido realizada. O número de registro junto ao Tribunal Superior Eleitoral correspondia a pesquisa com data anterior e feita pelo IBOPE, cujos resultados já haviam sido divulgados.

Na época dos fatos, a Band informou que havia cometido um erro ao publicar a pesquisa, que foi corrigido no mesmo endereço. Também pediu desculpas pelo ocorrido. Leia nota na íntegra abaixo. G1 (mais…)


Incêndio em veículos em Barra do Choça é destaque na Mídia Nacional



Incêndio atingiu garagem em Barra do Choça e destruiu veículos na madrugada desta quarta (9) — Foto: Blog do Jorge Amorim

Incêndio atingiu garagem em Barra do Choça e destruiu veículos na madrugada desta quarta (9) — Foto: Blog do Jorge Amorim

Um incêndio na garagem da prefeitura de Barra do Choça, no sudoeste baiano, destruiu ao menos sete ônibus e uma van na madrugada desta quarta-feira (9). Ninguém ficou ferido, segundo informações da Polícia Militar.

A PM detalhou que as chamas se espalharam pelo local por volta das 3h30. Além dos veúclos, o incêndio destruiu outros materiais, que não foram detalhados, armazenados na garagem da prefeitura.

Ônibus que estavam estacionados na garagem da prefeitura de Barra do Choça ficaram destruídos em incêndio no sudoeste da Bahia — Foto: Blog do Jorge Amorim

Ônibus que estavam estacionados na garagem da prefeitura de Barra do Choça ficaram destruídos em incêndio no sudoeste da BahiaFoto: Blog do Jorge Amorim

Pessoas que presenciaram o incêndio tentaram evitar que as chamas se espalhassem, mas o Corpo de Bombeiros precisou ser acionado e combateu ao incêndio. Os veículos ficaram destruídos. Ainda não há detalhes do que provocou as chamas. G1/BA