Municípios mantinham contratos com empresas de esquema de sonegação fiscal, revela MP-BA


O Ministério Público da Bahia revelou nesta quarta-feira (14), que prefeituras de cidades baianas, na região de Feira de Santana, mantinham contratos de compra de pescados com uma das empresas envolvidas no esquema de sonegação fiscal investigado pela Operação Hidra. De acordo com o MP-BA, até o momento não há indícios de irregularidades nestes contratos.

A Operação cumpriu 9 mandados de busca e apreensão em endereços residenciais e 10 nas empresas envolvidas com o crime. A polícia civil apreendeu 100 veículos, duas lanchas, sete motos aquáticas e R$ 70 mil reais em espécie. Ainda de acordo com o MP-BA, a organização criminosa acumulou R$ 75 milhões em dívidas tributárias junto ao fisco baiano. A Operação Hidra prendeu o empresário baiano Luiz Paulo Dantas Monteiro e a empresária Suely de Almeida Dantas.