Disparos contra barreira sanitária em Barra do Choça é destaque na Mídia Nacional


Bandidos disparam tiros contra barreira sanitária no oeste da Bahia — Foto: Reprodução

Bandidos disparam tiros contra barreira sanitária no oeste da Bahia — Foto: Reprodução

Homens armados dispararam contra uma barreira sanitária montada no município de Barra do Choça, na região sudoeste do estado, e deixaram duas pessoas feridas. O crime ocorreu na tarde da última segunda-feira (4). Os homens estavam em um carro branco e fugiram logo após a ação criminosa.

Uma guarda municipal e uma agente de saúde foram baleadas. A guarda municipal passará por cirurgia na tarde desta terça-feira (5), já que o projétil ficou alojado no joelho. A agente de saúde foi atingida na panturrilha e está em observação.

A suspeita é de que o crime tenha sido uma retaliação de criminosos da região contra uma operação contra o tráfico de drogas realizada no último fim de semana. Ninguém foi preso até a última atualização desta reportagem.

De acordo com a Polícia Militar, guarnições da 79ª Companhia Independente (CIPM) realizaram buscas em toda região, como apoio da 77ª e 92ª CIPM, da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Sudoeste e da Rondesp Sudoeste. Nesta terça-feira, equipes da 79ª CIPM e da Cipe Sudoeste seguem em diligência. A Polícia Civil investiga o crime.

Diante do ocorrido, a montagem das barreiras sanitárias em Barra do Choça foi suspensa. Nesta tarde, o prefeito da cidade, Adiodato Araújo, se reunirá com a secretária municipal de Saúde para planejar um meio seguro para que a medida volte a ser implementada.

Por meio das redes sociais, o secretário de Saúde do estado, Fábio Vilas Boas, comentou o caso.

“Apesar de atentados como esse, continuaremos trabalhando para proteger a população baiana na guerra contra a pandemia do novo coronavírus. Os resultados das barreiras sanitárias por toda a Bahia estão sendo muito positivos. E vai continuar”, escreveu.

Segundo a Sesab, Barra do Choça possui dois casos confirmados de coronavírus. Não há registro de mortes de pessoas com a doença no município. G1

Bebê de 01 ano e 02 meses é o 3º caso confirmado do coronavírus em Barra do Choça, diz secretaria


A Prefeitura Municipal de Barra do Choça, através da Secretaria de Saúde, informa que no dia 04/05/2020, à noite, recebeu resultado do Laboratório Central-LACEN/BA com um (1) caso positivo para o Novo Coronavírus.

Trata-se de um bebê, do sexo masculino, de 01 ano e 02 meses de idade, residente em Barra do Choça, com histórico de contato com familiares que testaram positivo para Covid-19.

Foi atendido pela Secretaria de Saúde e já estava sob monitoramento da equipe de Vigilância Epidemiológica e em isolamento domiciliar desde a verificação do caso positivo de familiar.

A equipe realizou a coleta do exame no dia 30 de abril de 2020 e encaminhou para o Lacen Estadual para a realização da análise.

Ressaltamos que o paciente já vinha sendo monitorado pela Secretaria de Saúde e estava em isolamento domiciliar.

Neste momento, o paciente encontra-se assintomático e permanece em isolamento domiciliar, bem como todos os seus contatos familiares e continuará acompanhado pela equipe de saúde da Barra do Choça.

É importante ainda destacar que, em atendimento às orientações mais recentes das autoridades técnicas, sempre que for possível, a população deve permanecer em isolamento social e, se precisar sair de casa, para ir ao supermercado ou farmácia, utilizar máscaras caseiras, de tecido.

A Secretaria de Saúde do município reintera a importância do isolamento social voluntário para conter a disseminação do Coronavírus em nosso município. ASCOM/PMBC

Recepcionista atingida com dois tiros, em Barra do Choça, se recupera em casa


Secretaria de saúde de Barra do Choça lança Boletim Epidemiológico em que confirma 3º caso do coronavírus


A Secretaria Municipal de Saúde de Barra do Choça atualizou na manhã desta terça-feira (05), o boletim epidemiológico com a confirmação de mais uma infecção no município pelo novo coronavírus.

Os dados técnicos a respeito do terceiro paciente que testou positivo serão informados posteriormente.

Ainda segundo nota, são três casos confirmados em Barra do Choça e o alerta continua: é preciso tomar consciência da importância de se proteger e da gravidade dessa doença, alertou.

Barra do Choça registra mais um caso do coronavírus; 3º caso confirmado


Em entrevista a rádio, prefeito de Barra do Choça confirma 3º caso do coronavírus.

O prefeito de Barra do Choça divulgou nesta manhã de terça-feira (05), a confirmação do 3º caso do coronavírus no município.

Em entrevista a uma rádio local, o gestor não divulgou o nome da paciente, mas disse que tem quase certeza que a pessoa que passou o vírus, não se encontra no município, mas as medidas protetivas estão sendo tomadas no sentido de dirimir a contaminação.

Ele adiantou ainda, que pretendia relaxar o fechamento do comércio, mas diante deste caso, deverá manter o fechamento, disse.

Barra do Choça vai receber R$ 2.8 milhões do auxílio para estados e municípios; confira os valores por cidade


A Bahia vai receber R$ 346 milhões que devem ser aplicados na saúde pública e R$ 1.668 milhões de livre aplicação.

O município de Barra do Choça vai receber R$  2.852.028,06 do Programa Federativo de Enfrentamento ao Coronavírus (PLP 39/2020), que prestará auxílio financeiro a estados e municípios. A informação foi oficialmente confirmada nesta segunda-feira (4) pelo Senado Federal, que aprovou o auxílio no último sábado (2). A União deve destinar R$ 125 bilhões a estados e municípios de todo o país e, segundo a Agência Senado, o valor inclui repasses diretos e suspensão de dívidas.

A Bahia vai receber R$ 346 milhões que devem ser aplicados na saúde pública e R$ 1.668 milhões de livre aplicação. Feira receberá o segundo maior valor do estado. O primeiro é Salvador. O auxílio para a capital será de R$ 259.216.347,76. Na sequência, em terceiro lugar, está Vitória da Conquista com R$ 30.546.291,72, Camaçari com R$ 26.995.312,38 e Juazeiro R$ 19.556.828,29.

Para o enfrentamento ao coronavírus Feira de Santana já recebeu mais de 8 milhões do Ministério da Saúde (relembre aqui), além de emendas parlamentares.

Veja quanto receberá cada cidade da Bahia:

Abaíra  R$ 788.655,29
Abaré  R$ 1.812.670,81
Acajutiba  R$ 1.368.031,31
Adustina  R$ 1.537.783,06
Água Fria  R$ 1.531.465,88
Aiquara  R$ 401.231,43
Alagoinhas  R$ 13.680.854,53
Alcobaça  R$ 2.027.816,05
Almadina  R$ 493.101,33
Amargosa  R$ 3.360.832,10
Amélia Rodrigues  R$ 2.265.342,16
América Dourada  R$ 1.452.410,83
Anagé  R$ 1.985.851,89
Andaraí  R$ 1.186.096,41
Andorinha  R$ 1.317.132,85
Angical  R$ 1.261.361,14
Anguera  R$ 1.012.644,59
Antas  R$ 1.740.925,65
Antônio Cardoso  R$ 1.054.338,00
Antônio Gonçalves  R$ 1.064.716,23
Aporá  R$ 1.600.142,69
Apuarema  R$ 661.499,40
Araças  R$ 1.098.919,27
Aracatu  R$ 1.185.374,44
Araci  R$ 4.907.459,22
Aramari  R$ 1.028.527,79
Arataca  R$ 994.415,00
Aratuípe  R$ 796.416,40
Aurelino Leal  R$ 1.040.620,69
Baianópolis  R$ 1.252.336,59
Baixa Grande  R$ 1.847.144,58
Banzaê  R$ 1.193.857,52
Barra  R$ 4.835.172,59
Barra da Estiva  R$ 1.858.876,50
Barra do Choça  R$ 2.852.028,06
Barra do Mendes  R$ 1.251.253,65

Passam bem as vítimas do atentado desta segunda-feira, 04/05, em Barra do Choça



A Guarda Municipal Daniana Pales “Danny” e a funcionária do posto de saúde, Amanda Novais, feridas com disparos de armas de fogo durante uma barreira sanitária, em Barra do Choça estão bem. 

As vítimas estavam a serviço na barreira contra o COVID-19, saída de Barra do Choça a Planalto, quando uma caminhonete Fiat Toro se aproxima e, na sequência, chegaram indivíduos em um veículo Siena e efetuam os disparos, e fogem na direção de Planalto.

As vítimas foram socorridas e levadas ao Hospital Municipal Dr José Maria de Magalhães Neto, onde receberam os primeiros atendimentos. Em seguida a GCM Danny, foi transferida para Hospital de Base, em Vitória da Conquista. Já a funcionária Amanda, levou o tiro de raspão, foi liberada e está fora de perigo.

As últimas informações que chegaram ao Blog do Jorge Amorim, sobre o estado de saúde de Daniana Pales, que passou por dois médicos, angiologista e ortopedistas, que constataram que o estado não é grave.

A violência aos profissionais envolvidos na ação da pandemia do coranavírus assustou a população, que cada dia mais se sente insegura de sair às ruas, quer seja pela ameaça do vírus, quer seja pela violência.